Assine nossa Newsletter

Nossa parceira Viva Slack na Mídia


Confira a notícia que saiu no portal R7 sobre o nosso parceiro, a  Viva Slack.
Lá você encontra os kits Orangotango para venda.

Segue a matéria na íntegra:

"Viva Slack é uma empresa focada em produtos de slackline e se reinventou no ambiente online na primeira metade de 2015. Com um novo site no ar e produtos de alta qualidade, a proposta do empreendimento é promover um equilíbrio do usuário com a vida e causar a integração cotidiana do mesmo com a natureza. 

Antonio Moreira, proprietário da Viva Slack , se interessou pelo ramo primeiramente como praticante. “O principal motivo para ter me aproximado do esporte é a forma que ele consegue interagir com a natureza e atrair cada vez mais pessoas para os bosques e parques da cidade. Outro fator importante é que o slackline é um esporte bem completo, exercita o corpo todo e trabalha bastante a mente, pois exige muito foco e concentração”, comenta o empresário. 

O investimento incial surgiu diante de uma possibilidade de realizar um workshop de slackline na cidade de Juiz de Fora, em Minas Gerais. “Precisávamos de equipamentos para o evento, então decidimos comprar alguns kits e vender alguns uma parte para custear o evento. Desde então nunca mais parou”, conta Moreira.

Slackline é um esporte nichado, onde não há muita disseminação da prática na grande mídia. O termo slackline é um guarda-chuva para variações do exercício, sendo um esporte diversificado:

1) Iniciante - O slackline para iniciantes é constituído por fitas entre 10 a 15 metros , esse tipo é indicado para pessoas que ainda não tiveram nenhum contato anterior com o esporte.

2) Trickline - Prática feita a partir de 80 cm do solo. É necessário um bom condicionamento físico, pois essa modalidade permite manobras e um alto grau de equilíbrio. É comum ser encontrado em parques urbanos e praças.

3) Longline - Exige bastante condicionamento físico e extremo equilíbrio considerando o tamanho da fita. A longline é a maior de todas, começando em 20 metros e chegando à 30. Ou seja, quanto maior o tamanho da fita, mais equilíbrio e concentração é necessário.

4) Jumpline - Acrobacias e saltos em cima do equipamento.

5) Waterline - Traz maior conforto para os praticantes pois é realizados em lagos, rios, piscinas, ou praias. A possibilidade de uma queda não é tão temida pois seria amortecida pela água. Mais refrescante e descontraída, é ótima para treinar saltos e acrobacias.

6) Highline - Indicada para pessoas com 6 anos ou mais de prática. A experiência é imprescindível pois essa modalidade é realizada em alturas superiores a 5 metros, sendo incorporados equipamentos de segurança por conta da peculiaridade desse estilo. 

7) Yogaline- Prática que permite realizar posições de Yoga em cima da fita. 

“A modalidade que mais atrai as pessoas é o Trickline, pois apresenta uma plasticidade que chama a atenção do público e também é a modalidade mais competitiva do slackline, com campeonatos sendo realizados em todo mundo. Porém, cada vez mais aumenta o número de praticantes de Longline e Highline que é a modalidade que mais exige do atleta, tanto fisicamente quanto mentalmente.” comenta Moreira. 

Os praticantes do esporte se vêem mais concentrados não só no momento do exercício, mas em tarefas posteriores. O empresário é o próprio exemplo disso: “O slackline me deu uma vida mais ativa e me apresenta vários pessoas bacanas a cada "rolê". Além disso me deu mais calma e concentração para outras atividades do dia a dia. O slackline, assim como outros esportes, também prega o respeito e a amizade entre as pessoas, pois apesar de ser um esporte individual é quase impossível encontrar um praticante solitário por aí.”

Website: http://www.vivaslack.com.br/"

0 Comentários:

Postar um comentário